AgronegócioDestaqueMato Grosso

Arroba do boi gordo sobe no Centro-Oeste e chega a R$ 180 em Mato Grosso

O mercado físico do boi gordo registrou preços mais altos na região Centro-Oeste nesta terça-feira, 16, com destaque para Mato Grosso, de acordo com a consultoria safras.

“O ponto de sustentação para os preços segue nas exportações, com ênfase ao mercado chinês. Já no mercado doméstico, a demanda de carne bovina segue titubeante, resultado das medidas de isolamento social”, afirma o analista Fernando Henrique Iglesias.

O período de transição entre a safra e entressafra tem sido pautado por oferta restrita neste ano de 2020, levando os frigoríficos a atuar com escalas de abate bastante encurtadas. “O movimento de alta não deixa de ser surpreendente, avaliando a crise sem precedentes que atingiu a economia mundial”, diz.

Na capital de São Paulo, os preços do mercado à vista ficaram em R$ 204 a arroba, estáveis. Em Uberaba (MG), permaneceram em R$ 201 a arroba, também inalterados. Em Dourados (MS), continuaram em R$ 197 a arroba, contra R$ 192 a arroba ontem. Em Goiânia (GO), o preço indicado foi de R$ 200 a arroba, estável. Já em Cuiabá (MT), o preço ficou em R$ 179/R$ 180 a arroba, ante R$ 176 a arroba.

Atacado

No mercado atacadista, os preços da carne bovina seguem firmes. Conforme Iglesias, a tendência para o curto prazo é de altas pontuais, com o relaxamento da quarentena em algumas regiões e os embarques que enxugam a oferta dando sustentação.

A ponta de agulha ficou em R$ 11,55 o quilo, estável. O corte dianteiro permaneceu em R$ 12,25 por quilo, e o corte traseiro seguiu em R$ 13,00 o quilo.

Canal Rural

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Botão Voltar ao topo
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios