BrasilClima TempoDestaque

Brasil- Confira a previsão do tempo para segunda e terça-feira

Na segunda-feira as chuvas seguem intensas entre Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e Goiás. Porém, os maiores volumes de chuva ocorrem do centro ao noroeste de Mato Grosso

Segundo a meteorologia, as áreas de instabilidade voltam a atuar sobre a região Sul do país. Já na Bahia o tempo firme ainda persiste. Veja a previsão do tempo de segunda (15/03/21) e terça  (16/03/21) de várias regiões do Brasil ;

Sul

Na segunda-feira as áreas de instabilidade se espalham pela região Sul, vai desde o norte gaúcho até o norte do Paraná. Há riscos de temporais, em especial, a partir da tarde, nessas áreas. Atenção novamente ao leste catarinense, que receberá ainda acumulados elevados. Por outro lado, o tempo firme persiste agora do centro ao sul do Rio Grande do Sul. Já as temperaturas ainda serão elevadas, mesmo em localidades que tem previsão de chuva, e atenção a umidade do ar que volta a cair no meio da tarde do centro gaúcho da Fronteira Gaúcha.

Na terça-feira, as chuvas aumentam de intensidade e volume na região Sul. As precipitações vêm em sua grande maioria a partir da tarde. Os temporais mais intensos ocorrem nas regiões da Fronteira Oeste, Campanha, central gaúcha e Missões, com riscos para grandes transtornos, devido aos ventos de mais de 70km/h, quedas de granizo e acumulados bem elevados, que podem sim passar dos 70 mm em alguns pontos, em especial em Uruguaiana e Bagé, por exemplo. Por fim, as temperaturas devem se elevar durante a tarde, e antes da chuva, por isso a sensação de calor continua.

Sudeste

Na segunda-feira a chuva seguirá forte pelo estado de São Paulo, sul de Minas Gerais, Triângulo Mineiro, e centro-oeste do Rio de Janeiro. Os acumulados de chuva devem voltar a ser elevados do sudoeste ao leste do estado de São Paulo e no centro ao oeste do Rio de Janeiro. O tempo seco ganha mais espaço em Minas Gerais, praticamente em boa parte do estado, assim como ocorrerá em todo o Espírito Santo e no norte do Rio de Janeiro, que será bastante ensolarado e sem chuva, com queda na umidade relativa do ar no meio da tarde. Mesmo em áreas em que chove, o calor ainda predomina na sua grande maioria durante o início e meio da tarde.

Terça-feira volta a chover novamente em todo o estado de São Paulo, centro-oeste do Rio de Janeiro e no triângulo e sul mineiro. As pancadas de chuva são fortes, até na forma de temporais, mesmo que em pontos isolados, que ocorrem a partir da tarde. Os acumulados de chuva podem ser pontualmente elevados desde a região de registro, em São Paulo, até o estado do Rio de Janeiro, passando pelo o Vale do Paraíba, com condições para alagamentos.

Centro-Oeste

Na segunda-feira as chuvas seguem intensas entre Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e Goiás. Porém, os maiores volumes de chuva ocorrem do centro ao noroeste de Mato Grosso, mas o tempo não fica completamente fechado. Já no Distrito Federal e na metade leste de Goiás, incluindo Goiânia, o tempo fica firme e com temperaturas em elevação e umidade do ar baixa no meio da tarde.

Terça com previsão de tempo instável em grande parte do Centro-Oeste. As chuvas seguem intensas nos estados de Mato Grosso, Goiás e Mato Grosso do Sul. Com atenção aos maiores acumulados de chuva previstos no oeste e noroeste de Mato Grosso do Sul.

Nordeste

Nesta segunda, as áreas de tempo seco diminuem agora só ocorre no estado da Bahia. Há riscos para temperaturas elevadas e a umidade do ar fica baixa (atingindo níveis críticos) no meio da tarde. Aliás, tem locais do estado baiano que estão a mais de 10 dias seguidos sem cair uma gota sequer, como Paulo Afonso e Barra. Por outro lado, entre Maranhão, Piauí e Ceará, mais uma vez a previsão é de pancadas de chuva, que podem ser fortes,

Na terça, as áreas de tempo seco voltam a aumentar no Nordeste. Agora, o céu será aberto, com calor e baixa umidade do ar, no meio da tarde, em todo o estado da Bahia, Sergipe, o oeste de Alagoas e o centro oeste de Pernambuco. As chuvas também são preocupantes, pois vem ainda na forma de temporais e com acumulados elevados desde o Maranhão até o extremo oeste do Rio Grande do Norte, passando pelo norte do Piauí e o Ceará.

Norte TEMPO

Na segunda-feira, há risco de chuva elevada entre o leste do Acre, Rondônia e Amazonas, com riscos de alagamentos pontuais, mas de maneira geral tem chuva forte em toda a região Norte. Entre o Pará e o Amapá, principalmente na região de Santarém, a precipitação também segue volumosa.

Na terça-feira a chuva diminui um pouco nas áreas do norte do Pará e Amapá. As precipitações diminuem também em Rondônia e a chuva agora ocorre de forma bem isolada e com baixos volumes, alternando com períodos de sol. Por outro lado, os acumulados significativos persistem entre Rondônia, Amazonas e leste do Acre.

 

Canal Rural

 

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Botão Voltar ao topo
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios