BrasilDestaqueNotícias

Caminhões do “Transformers” de quase R$ 1,5 milhão chegam ao Brasil

Dez unidades do icônico Peterbilt foram importadas de forma independente para colecionadores

Chevrolet Camaro e Ford Mustang ganharam (ainda) mais fama após se tornarem, respectivamente, mocinhos e vilões alienígenas na franquia Transformers. Mas faltava o robô mais importante dos Autobots, o Optimus Prime, “interpretado” por um Peterbilt em diferentes versões. Bem, agora o Brasil não tem só um, mas dez unidades do caminhão mais famoso dos cinemas.

As unidades do Peterbilt 389 foram importadas de maneira independente por um grupo de empresários de São Paulo, Minas Gerais, Santa Catarina e Rio Grande do Sul. O lote dos caminhões chegou nesta semana ao porto de Paranaguá (PR), e as fotos da chegada nada discreta rapidamente caíram nas redes sociais.

 

Os dez caminhões serão enviados a diferentes colecionadores no sul e sudeste do Brasil — Foto: Divulgação

Os dez caminhões serão enviados a diferentes colecionadores no sul e sudeste do Brasil — Foto: Divulgação

 

Caminhões norte-americano são raros no Brasil, por culpa da legislação. As regras no país limitam o comprimento máximo dos veículos e consideram o tamanho completo da composição, somando cavalo mecânico e carreta. Com isso, quanto maior o cavalo mecânico, menos espaço para levar carga.

 

Os caminhões vieram em navios "Ro-Ro", comuns para o transporte de veículos — Foto: Divulgação

Os caminhões vieram em navios “Ro-Ro”, comuns para o transporte de veículos — Foto: Divulgação

 

Por esse motivo todos os caminhões pesados modernos à venda por aqui são do tipo “cara-chata”, com o motor posicionado exatamente abaixo da cabine. O último “bicudo”, como o 389, foi o Mercedes Atron, que saiu de linha em 2020.

 

O comprimento total do cavalo mecânico pode superar os sete metros — Foto: Divulgação

O comprimento total do cavalo mecânico pode superar os sete metros — Foto: Divulgação

 

Há poucos detalhes sobre a comercialização dos Peterbilt, mas a importação não foi barata. Nos Estados Unidos modelos similares custam quase R$ 1 milhão pelo câmbio atual, sem considerar impostos. Apenas com a alíquota de 35% mais os custos alfandegários estima-se que cada unidade dos caminhões tenha se aproximado da cifra de R$ 1,5 milhão.

Auto Esporte

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Botão Voltar ao topo
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios