CanaranaDestaquePolícia

Canarana- Mulher é chicoteada com fio elétrico pelo próprio marido

Uma mulher, de 35 anos, foi agredida pelo próprio marido no início da noite deste domingo (07/02/21), em Canarana, no interior do estado de Mato Grosso. O homem, de 38 anos, usou um fio elétrico de extensão para chicoteá-la.

De acordo com informações, o suspeito estava trocando mensagens com outra mulher pelo celular, a esposa, indignada, acabou questionando o marido, momento em que ele ficou bastante transtornado, pegou um fio de extensão elétrica e chicoteou a companheira.

As lesões ficaram visíveis no braço e na cocha da mulher. Em seguida, a vítima foi à Companhia da Polícia Militar que, rapidamente, se dirigiu à casa indicada, ao chegar, os agentes viram que a residência estava trancada e as luzes apagadas.

Com autorização da vítima, os militares arrombaram a porta e, segundos depois, encontraram o suspeito escondido dentro do banheiro. Ele foi detido pelo crime de lesão corporal.

Após buscas, a Polícia Militar também encontrou, no sofá,  o fio elétrico de extensão utilizado para as agressões. O suspeito foi levado à Delegacia de Polícia Civil.

 

 

LEI MARIA DA PENHA

A Lei Maria da Penha criou mecanismos para coibir a violência doméstica e familiar contra a mulher, nos termos do § 8º do art. 226 da Constituição Federal, da Convenção sobre a Eliminação de Todas as Formas de Discriminação contra as Mulheres e da Convenção Interamericana para Prevenir, Punir e Erradicar a Violência contra a Mulher; dispõe sobre a criação dos Juizados de Violência Doméstica e Familiar contra a Mulher; altera o Código de Processo Penal, o Código Penal e a Lei de Execução Penal; e dá outras providências.

O Âncora MT

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Botão Voltar ao topo
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios