CanaranaDestaqueEstupro de vulnerávelMato GrossoPolícia

Canarana- Polícia Civil cumpre prisão contra pai investigado por estupro de vulnerável

O suspeito teve a prisão temporária expedida pela 2ª Vara Criminal da Comarca de Canarana

O pai de uma criança de 10 anos investigado por estupro de vulnerável, em Canarana -MT, foi preso pela Polícia Civil, na quinta-feira (16/02/23), em cumprimento de mandado judicial.

O suspeito de 47 anos teve a prisão temporária decretada pela 2ª Vara Criminal da Comarca local, após investigação da Delegacia de Canarana para apurar os fatos.

Na última terça-feira (07), a mãe da menina de apenas 10 anos procurou a Polícia Civil para registrar a ocorrência e relatar o crime praticado pelo esposo (pai biológico da vítima).

Várias diligências foram realizadas, sendo a menor atendida e encaminhada para realização da escuta especializada junto com a equipe multidisciplinar da Secretaria de Assistência Social do município.

O Conselho Tutelar também foi acionado para acompanhar o caso. Conforme apurado o crime ocorreu no âmbito familiar, bem como o inquérito instaurado segue em sigilo.

O mandado de prisão temporária é de 30 dias, onde serão concluídas as investigações.

PJC-MT

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios