DestaqueMato GrossoPolícia

Dois são presos suspeitos por atentado contra jovens em Lucas do Rio Verde; Quatro vítimas morreram

Conforme o CenárioMT informou anteriormente, o crime aconteceu das 22h00 em uma residência na Avenida Itanhangá, bairro Parque das Araras. As vítimas foram surpreendidas por dois suspeitos quando estavam no interior da casa. Os jovens receberam diversos disparos na cabeça.

De acordo com o investigador Wladimir Mesquita, assim que houve o crime, as polícias iniciaram diligências e até o início da manhã deste sábado (28) quatro pessoas foram conduzidas para a delegacia, sendo que duas delas foram reconhecidas por testemunhas como sendo autores dos disparos.

Os principais suspeitos foram presos nos bairros Rio Verde e Primaveras. Em uma casa, onde um dos suspeitos foi preso, a polícia encontrou um revólver calibre 38 e porção de entorpecente.

As identidades das vítimas ainda não foram confirmadas oficialmente pelas autoridades policiais. Entre os mortos está um empresario de 30 anos.

Os demais nomes ainda estão sendo confirmados pela reportagem do CenárioMT. Um dos jovens morreu no local e os outros três foram encaminhadas para o Hospital São Lucas, onde dois deles, no decorrer do atendimento médico vieram a óbito. A quarta vítima faleceu no início da manhã deste sábado.

O CASO

Por volta das 22 horas desta sexta-feira (27) um grupo de amigos que estavam em uma residência, no bairro Parque das Araras, quando dois suspeitos chegaram com uma motocicleta e invadiram o local.

Os criminosos ordenaram que os quatro rapazes deitassem no chão e atiram na cabeça das vítimas. Algumas meninas que estavam na casa não foram atingidas.

Os suspeitos fugiram do local rapidamente. Testemunhas disseram que eles usavam uma motocicleta preta e capacetes de rally, o que auxiliou a polícia a fechar o cerco contra os criminosos.

A polícia trabalha agora para apuras as motivações do crime.

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Botão Voltar ao topo
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios