BrasilDestaqueLutoNotícias

Dublador de Wolverine e Esqueleto, Isaac Bardavid morre aos 90 anos

O dublador Isaac Bardavid, conhecido por dar voz a personagens clássicos como Wolverine e Esqueleto, morreu hoje aos 90 anos. A informação foi confirmada pela família dele.

Mais conhecido pelo trabalho como o herói da Marvel e o vilão do He-Man, Isaac Bardavid também era a voz brasileira de personagens como o temido Freddy Krueger, de “A Hora do Pesadelo”,Tigrão, de “Ursinho Pooh”, e Rei Harold, de “Shrek”.

Isaac estava internado em estado grave nos últimos dias para tratar de complicações relacionadas a um enfisema pulmonar. Em mensagem no perfil oficial do dublador, o filho João se despediu do pai.

“90 anos, 11 meses e 19 dias. Se bem conheço o coroa, ele diria assim: Toma tenência na vida, meu filho! É com essa frase que escrevo que nosso querido ator, dublador, escritor, esposo, pai, vô, bisavô e amigo hoje partiu para o plano espiritual”, diz a legenda da imagem.

Segundo a família, um novo livro de Isaac está para ser finalizado agora em fevereiro. “É triste saber que ele não viu seu segundo livro pronto”, lamentou o filho, que disse ainda que o pai questionava “por que ainda estava vivo” depois de tantos amigos dele morrerem em 2021

 

 

Semana passada, o perfil oficial de Isaac no Instagram informou que “a doença estava insistindo em manter a oxigenação dele muito baixa, mesmo usando os aparelhos que já possui em casa”. Por ele precisou ser internado.

A última atualização médica foi divulgada há dois dias. Apesar da leve melhora na ocasião, o caso seguia grave, informou a família do dublador.

“Nada a dizer além de ‘obrigado por tudo’!”, escreveu o também dublador Garcia Jr., famoso por trabalhar em “O Rei Leão”, “007” e ser a principal voz do ator Arnold Schwarzenegger nas traduções brasileiras.

Além de dublador, Isaac era ator e trabalhou em novelas como “Escrava Isaura” (1976) e “O Cravo e a Rosa” (2000). O último trabalho na Globo foi na série “Carcereiros” (2021), quando viveu Álvaro.

 

Uol

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios