CrimeDestaqueMato GrossoPolícia

Filho encontra pai e mãe mortos em sítio onde moravam em MT

Maria Aparecida, de 65 anos, e João Geraldo de Oliveira, de 69, foram encontrados mortos nesta terça-feira (16/02/21), dentro do sítio onde moravam, na Comunidade da Salvação, em São José dos Quatro Marcos MT.

O filho do casal foi informado de que o veículo Fiat Siena, de seu pai, havia sido encontrado incinerado nas proximidades da residência.

Achando a situação suspeita, o rapaz foi até a propriedade. Com ajuda dos vizinhos ele arrombou a porta e encontrou sua mãe sem vida.

Ela continha ferimentos na cabeça e uma corda amarrada no pescoço. O corpo de João foi encontrado no curral e ele também apresentava cortes na cabeça.

O filho do casal disse que eles não tinham rixa, inimizade com ninguém. Além do carro que foi incendiado , o casal só tinha uma motocicleta que foi achada na garagem do sítio.

A polícia Milita foi acionada por volta das 11h da manhã, pelo filho. Os copos foram encaminhados ao Instituto Médico Legal (IML)

Um inquérito deverá ser instaurado pela Polícia Civil para investigar o caso.

 

Mato Grosso Mais

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Botão Voltar ao topo
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios