AcidenteDestaqueGoiás

GO- Caminhão causa acidente com quatro mortos e há explosão em praça de pedágio na BR-050

Oito funcionários da concessionária que administra a rodovia também ficaram feridos e foram levados a hospitais. Uma das gravações registra quando um carro com uma família deixa a faixa à esquerda da pista, vai para uma que estava mais vazia e, segundos depois, é atingido.

 

 

Vídeo mostra quando um caminhão bater contra uma praça de pedágio e provoca o acidente que causou a morte de três adultos e uma criança neste domingo (28/03/21), na BR-050, em Campo Alegre de Goiás, região sudeste do estado. Após a colisão, houve uma explosão (veja acima). Oito pessoas ficaram feridas.

O acidente aconteceu por volta das 10h, no sentido de Brasília a Catalão. Uma das gravações é de uma câmera de segurança da rodovia e foi divulgada pelo Corpo de Bombeiros. Ela filma quando um carro preto deixa a faixa mais à esquerda da pista e vai para uma que estava mais vazia.

Segundo depois, aparece o caminhão-baú, que estava carregado com desodorantes. Ele colide contra a defensa metálica e, depois, na traseira do carro preto, onde viajavam um casal e uma criança da mesma família. Depois, bateu em outro veículo com três pessoas, que não tiveram ferimentos.

As colisões, conforme a PRF, provocaram um incêndio, que destruiu a praça de pedágio, os veículos atingidos e um caminhão carregado com grãos que estava parado no local. O motorista desta carreta conseguiu desembarcar antes que o incêndio atingisse a cabine e saiu ileso.

Outra gravação feita por um caminhoneiro que trafegava logo atrás do motorista que causou a batida mostra o acidente de outro ângulo. Nas imagens confirmadas pela PRF é possível ouvir que o motorista se desespera .

“Subiu, subiu, subiu. Pegou fogo, pegou fogo o trem aqui. Matou. Meu pai, meu senhor”, disse o caminhoneiro

De acordo com o inspetor Newton Moraes, o caminhoneiro que causou o acidente morreu no local. Um casal e o filho, de 2 anos, que estavam em um carro de passeio, também tiveram os corpos carbonizados. A família era de Coromandel, em Minas Gerais.

Em nota, a Eco-050, concessionária responsável por administrar a rodovia, informou que a Praça de Campo Alegre de Goiás possui cinco cabines e que, no momento do acidente, havia oito colaboradores em atividade na praça, sendo que sete sofreram machucados leves e um oitavo teve ferimentos moderados.

A concessionária afirmou ainda que “tem prestado todo o suporte necessário aos feridos e às suas famílias”. Os funcionários foram levados a hospitais de Catalão, a 70 km de distância de Campo Alegre de Goiás.

Acidente com carretas incendeia praça de pedágio em Campo Alegre de Goiás — Foto: Divulgação/PRF

Acidente com carretas incendeia praça de pedágio em Campo Alegre de Goiás — Foto: Divulgação/PRF

Interdição

 

Imagens feitas pela corporação mostram que a praça de pedágio e os veículos ficaram completamente destruídos. Segundo a PRF, os dois sentidos da rodovia ficaram totalmente interditados por quase 6h, na altura do km 226. Às 15h30 uma faixa de rolamento em cada sentido foi liberada e não havia congestionamento no local.

Durante o bloqueio, um desvio foi feito pelo PRF em uma estrada de terra para os motoristas que seguiam sentido Cristalina a Campo Alegre de Goiás.

Acidente com carretas incendeia praça de pedágio e carro em Campo Alegre de Goiás — Foto: Divulgação/PRF

Acidente com carretas incendeia praça de pedágio e carro em Campo Alegre de Goiás — Foto: Divulgação/PRF

 

Acidente com duas carretas destrói praça de pedágio e interdita a BR-050, Campo Alegre de Goiás — Foto: Divulgação/PRF

Acidente com duas carretas destrói praça de pedágio e interdita a BR-050, Campo Alegre de Goiás — Foto: Divulgação/PRF

 

Caminhão bate em praça de pedágio, causa acidente com quatro mortos e pega fogo na BR-050 — Foto: Reprodução/TV Anhanguera

Caminhão bate em praça de pedágio, causa acidente com quatro mortos e pega fogo na BR-050 — Foto: Reprodução/TV Anhanguera

G1 GO

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Botão Voltar ao topo
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios