DestaqueMinas GeraisNotíciasPolícia

MG- Idoso recebe nota de R$ 420 como pagamento de empréstimo e devolve R$ 320 de troco para golpista

Segundo a PM, vítima chegou a questionar sobre a veracidade da nota, mas golpista disse que havia sacado o dinheiro em um caixa eletrônico em Unaí (MG). Cédula falsa tem desenhos de bicho-preguiça e de folhas de maconha.

Um idoso, de 75 anos, recebeu uma nota falsa de R$ 420 como pagamento de um empréstimo em Unaí (MG). Como a dívida era de R$ 100, ele também devolveu R$ 320 de troco.

Segundo a Polícia Militar, o responsável por repassar a falsa cédula — que tem desenhos de bicho-preguiça e de folhas de maconha — foi preso após a PM encontrar maconha na casa onde ele morava.

“Esse autor [golpista] trabalhava em uma fazenda vizinha ao local onde a vítima mora. Ele pediu R$ 100 emprestado para o idoso e voltou para pagá-lo com a nota falsa. A vítima falou que nunca tinha visto a cédula, mas o autor afirmou que tinha sacado o falso dinheiro em um caixa eletrônico de um banco em Unaí. Ele se aproveitou da situação para ludibriar o idoso”, explica o tenente Henrique Hiroshi Asanome.

Após saberem do fato, os policiais foram até o local onde o homem que repassou a cédula falsa mora.

“O dono da casa onde ele morava temporariamente autorizou a nossa entrada e, já na varanda, nós vimos um vaso com um pé de maconha. Entramos e encontramos um embrulho grande contendo um tablete e duas porções da droga. Durante as buscas, ainda localizamos outra porção de maconha e R$ 56.”

Nota de R$ 420 apreendida pela Polícia Militar em Unaí  — Foto: Polícia Militar

Nota de R$ 420 apreendida pela Polícia Militar em Unaí — Foto: Polícia Militar

 

Ainda de acordo com o tenente, o golpista afirmou que está em liberdade condicional e que tem passagens por roubo e receptação. Ele foi preso por tráfico de drogas. O G1 não conseguiu localizar a defesa.

Em nota, a Polícia Civil informou que o homem foi autuado em flagrante pelo crime de tráfico de drogas.

“Quanto ao crimes de moeda falsa, não há que se falar nesta tipificação, haja vista ser a cédula de R$ R$ 420 uma falsificação grosseira, o que configuraria, neste caso, ‘in tese’ o crime de estelionato, que segue sendo apurado através de diligências investigativas. Informamos ainda que o autor não se encontrava em situação de flagrante quanto ao crime de estelionato e a vítima também não foi levada à Delegacia pela Polícia Militar.”

Idoso, de 75 anos, recebeu a cédula e deu troco de R$ 320 — Foto: Polícia Militar

Idoso, de 75 anos, recebeu a cédula e deu troco de R$ 320 — Foto: Polícia Militar

G1 MG

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Botão Voltar ao topo
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios