AgronegócioDestaqueNotícias

Milho: oferta aumenta no mercado interno, mas preços ainda são elevados

O mercado brasileiro de milho teve uma quinta-feira (12/11/20), de preços pouco alterados, de estáveis a ligeiramente mais baixos. Segundo o consultor de Safras & Mercado, Paulo Molinari, houve alguma maior oferta de modo localizado, mas no geral não houve grandes mudanças.

No Porto de Santos, o preço ficou em R$ 75/84 a saca. No Porto de Paranaguá (PR), a cotação chegou a R$ 75/78 a saca.

No Paraná, o valor ficou em R$ 77/79a saca em Cascavel. Em São Paulo, a saca chegou a R$ 80/82 na Mogiana. Em Campinas CIF, o preço foi de R$ 81/83 a saca.

No Rio Grande do Sul, o valor ficou em R$ 85/87 a saca em Erechim. Em Minas Gerais, a cotação chegou a R$ 74/76 a saca em Uberlândia. Em Goiás, o valor pago esteve em R$ 72 – R$ 74 a saca em Rio Verde – CIF. No Mato Grosso, o preço ficou a R$ 74/76 a saca em Rondonópolis , a até a data do dia (12/11/20) Querência , fechou a R$ 63,50.

Agência Safras

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Botão Voltar ao topo
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios