DestaqueFurtoMato GrossoPolícia

MT- Ladrões são presos por furto de 47 toneladas de milho

A operação mobilizou 20 policiais das unidades de Santa Cruz do Xingu, Confresa e Vila Rica.

Três homens foram presos suspeitos de furtarem uma carga de 47 toneladas de milho em um silo de uma fazenda em Santa Cruz do Xingu-MT, neste sábado (02/01/21).

A operação mobilizou 20 policiais das unidades de Santa Cruz do Xingu, Confresa e Vila Rica.

A ação começou na madrugada de 31 de dezembro e se estendeu ao longo do dia. A PM recebeu a denúncia no momento que estava ocorrendo o furto dos grãos. A informação de um funcionário era de que havia uma carreta e um carro de passeio no armazém e pessoas furtando grãos, fazendo o carregamento de milho. O furto ocorria no escuro para não chamar a atenção.

Com as características da carreta e do carro supostamente usado como apoio, uma equipe da PM conseguiu interceptar a carreta a poucos quilômetros do armazém. Quando abordavam o condutor, um homem de 49 anos, os policiais perceberam que o carro que vinha logo atrás, retornou ao ver os policiais e fugiu em alta velocidade no sentido contrário.

A equipe da PM ainda fez o acompanhamento pela estrada de acesso a Vila Rica e Confresa até a ponte do Rio Fontoura, mas o perdeu de vista e requisitou o apoio das unidades dos dois municípios. Na região da Vila do Caxangá , em Vila Rica, uma equipe da Força Tática avistou o carro e nele estava o segundo suspeito preso, de 35 anos.

Conforme narrativa dos policiais, o motorista do carro receberia R$ 15 mil do motorista da carreta. A terceira prisão, do suspeito de 26 anos, ocorreu próximo da fazenda onde foi registrado o furto. Ele era funcionário e estaria dando apoio à ação criminosa.

Os três presos e os nomes dos demais supostos envolvidos foram colocados à disposição da Delegacia de Confresa. A carreta e a carga de milho foi levada para a delegacia de Santa Cruz do Xingu, enquanto o carro, sem condições de trafegar, ficou no pátio do Comando Regional da PM de Vila Rica.

G1 MT

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Botão Voltar ao topo
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios