DestaqueMato GrossoPolíciaQuerência

Querência- Fatura de energia resulta em agressão física

Na manhã desta segunda- feira (15/03/21) por volta das 08h:15m, a Polícia Militar recebeu uma ligação anônima via 190 , informando  que em  uma residência no Setor F próximo a uma loja de Joias , estaria um homem e uma mulher discutindo e vindo a vias de fato.

Segundo o Boletim de Ocorrência , uma guarnição esteve no local referido para averiguar se de fato teria este ocorrido, ao chegar na residência a mulher informou aos policiais atendentes SD PM Rhangel Nunes  e SD PM Allef, que seu ex- marido foi para receber a parte do dinheiro referente de uma fatura de energia , que é  divida entre ambas  partes .

O valor seria de R$200,00 porém a mulher não teria este valor no momento , então o homem propôs que ela pagasse o valor de R$150,00 , e sendo negado pela senhora que afirmou que pagaria  apenas  R$100,00, foi onde começou uma discussão entre as partes e partindo para agressões físicas .

Foram conduzidos para a Central de Atendimento ,para a confecção do B.O e posteriormente entregue a Delegacia de Polícia Civil de Querência.

 

 

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Botão Voltar ao topo
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios