DestaqueMato GrossoPolícia

Sequestrada pelo ex, mulher é espancada por 3 dias e achada desorientada na rua em MT

Os pais do criminoso foram presos pela polícia. A princípio, as investigações apontam que ambos sabiam do sequestro e agressões e não acionaram a PM e nem prestaram socorro à mulher.

Uma mulher de 39 anos foi espancada brutalmente pelo ex-marido, durante três dias, em Tangará da Serra MT. Ela conseguiu escapar na madrugada desta segunda (03/08/20). O crime ocorreu na casa da sogra no bairro Jardim do Lago, onde foi atingida por socos, chutes e pauladas com um cabo de energia.

No fim da tarde de ontem, os pais do criminoso foram presos pela polícia. A princípio, as investigações apontam que ambos sabiam do sequestro e agressões e não acionaram a PM e nem prestaram socorro à mulher.

A vítima foi localizada pelo Corpo de Bombeiros completamente desorientada no meio da rua. Ela estava com lesões graves pelo corpo, rosto deformado sem conseguir abrir os olhos. Diante da situação a mulher recebeu os primeiros socorros da guarnição e foi encaminhada à UPA.

De acordo com o boletim de ocorrência, o ex-marido a encontrou, conseguiu convencê-la a ir na casa da mãe dele.

Quando chegaram ao local, as agressões iniciaram e somente tiveram fim quando ela conseguiu fugir. Na rua, ela conseguiu ajuda de moradores que acionaram o resgate do Corpo de Bombeiros.

A Polícia Militar foi acionada, mas o criminoso não foi localizado.

A mulher está internada e com suspeita de fratura em uma costela. A Polícia Civil está investigando o caso.

RDNews

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Botão Voltar ao topo
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios