DestaqueMato GrossoPolícia

SINOP-Homem é flagrado estuprando enteado de 1 ano e tenta matar esposa a facadas

A mulher, que está grávida do acusado, denunciou o caso à polícia no último sábado. O acusado continua solto.

Um homem, nome e idade não revelados, foi acusado pela esposa de estuprar o enteado de apenas um ano dentro de casa enquanto ela tomava banho durante a noite de sábado (11), no bairro Jardim Lisboa, em Sinop (500 km da Capital).

A mulher, gestante do segundo filho, explicou ainda que após flagrar o marido violentando o filho, o acusado tentou matá-la a facadas.

ilustrativa

De acordo com o depoimento da vítima ao programa Alô Sinop, da Rede TV, o flagrante aconteceu por volta das 21h30, quando ela tomava banho e escutou o filho gritar e chorar.

Ao chegar no quarto encontrou o marido se portando de um jeito ‘muito estranho’, com a calça desabotoada e baixada. O menino estava na cama, deitado de bruços e com a fralda de lado.

No momento em que a mulher pegou o filho no colo, o marido correu, pegou uma faca e foi para cima dela. Ainda segundo o relato, ela jogou a geladeira para cima dele e a faca caiu. Nesse momento, o acusado correu para o lado externo da casa para pegar um cabo de rodo para bater nela, mas ela trancou a porta e o pedófilo ficou preso do lado de fora.

Enquanto a vítima ligava para a Polícia Militar (PM), o marido fugiu.

Após passar o período do flagrante, o homem reapareceu e simplesmente nega todas as acusações.

A mulher relatou que estava casada com o acusado a cerca de um ano e que no início pareceu ser um bom homem.

Frequentava a igreja e fazia o papel de um bom pai para o menino, que era recém-nascido. Mas há pouco tempo começou a mudar, parou de ir aos cultos, começou a beber e andar com ‘pessoas estranhas’, levantando suspeita de envolvimento com drogas.

“Do bom marido virou esse pesadelo”, disse a gestante.

A vítima reclamou ainda que depois que o marido reapareceu, foi até a casa deles e tirou tudo de lá, ela ficou sem nada e teve que se mudar para a residência de sua mãe.

Sobre o filho, ela disse que o menino está muito assustado, chora muito e não aceita ficar com ninguém se não a mãe. A criança passou por exames, mas nenhum tipo de secreção foi identificada na região anal do bebê, embora a mulher afirme que o local está machucado.

À reportagem, a vítima disse que a polícia sabe aonde o acusado está, mas como ele saiu do flagrante está solto.

Explicou que vai levar alguns documentos médicos ao fórum e à delegacia para ver se consegue um mandado de prisão em desfavor do ex.

“Meu filho é um anjinho. Ele [o ex-marido] não pode cometer um crime desses e ficar solto. Quero Justiça, o quero preso. Isso não pode ficar assim” declara a mulher.

Fonte: Repórter MT

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Botão Voltar ao topo
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios