BrasilClima TempoDestaqueNotícias

Tempo: ciclone ainda causa chuva em alguns estados nesta terça-feira

Um corredor de umidade da Amazônia, por sua vez, alimenta as precipitações no Centro-Oeste e Nordeste, segundo a meteorologia

Previsão do tempo para terça-feira (20/04/21)

Sul

Nesta terça-feira, já não tem influência direta do ciclone subtropical no Atlântico, por causa do deslocamento do sistema para alto-mar. Por outro lado, ainda tem uma pista de ventos úmidos contra a costa, formada por uma região de alta pressão atmosférica.

Desta maneira, mais uma vez o dia fica com grande variação de nuvens e eventual chuva fraca desde o nordeste gaúcho ao leste do Paraná. Os ventos diminuem de intensidade na costa leste e ficam somente moderados ao longo do dia.

Na maior parte da região, predomina uma massa de ar seco, que mantém o tempo firme e com temperaturas em elevação. Nas áreas mais a oeste dos três estados, há sensação de calor à tarde.

Sudeste

Um ciclone subtropical ainda se sustenta no oceano Atlântico, mas começa a se afastar gradualmente para alto-mar. Com isso, o tempo fica fechado, com chuva variando fraca a moderada e a qualquer hora do dia entre o Rio de Janeiro e o Vale do Ribeira em São Paulo, além de forte agitação marítima.

Ventos sopram com rajadas acima de 60 km/h numa faixa entre o litoral paulista e Cabo Frio, e pode haver possíveis interrupções de operações portuárias e de travessia de balsas. Na Região dos Lagos, norte fluminense e Espírito Santo, as rajadas podem chegar a 80 km/h.

Chove em forma de pancadas com períodos de sol no norte mineiro, com um corredor de umidade da Amazônia. Por outro lado, nas demais áreas do Sudeste o tempo fica aberto e com sensação de abafamento à tarde.

Centro-Oeste

Grande parte de Goiás, Mato Grosso e Distrito Federal têm um dia de tempo instável. Há previsão para pancadas de chuva, principalmente no período da tarde, por causa do deslocamento de um corredor de umidade da Amazônia pelo Brasil central.

Já no sul de Goiás e em todo o Mato Grosso do Sul têm influência de uma massa de ar seco, que garante o tempo firme e até mesmo com umidade abaixo do ideal no período da tarde.

Mesmo com chuva, as temperaturas sobem e a sensação é de tempo abafado em todo o Centro-Oeste.

Nordeste

Um corredor de umidade da Amazônia alimenta instabilidades e temporais no litoral da Bahia. Por isso, toda a região tem um dia de tempo instável, com pancadas de chuva, principalmente no período da tarde, no interior da região. Nas áreas litorâneas entre Sergipe e o Rio Grande do Norte e também entre o Ceará e o Maranhão, a quantidade de chuva é maior e podem ocorrer transtornos pontuais.

Vale destacar que o solo no interior da Bahia estava bastante seco e agora com o retorno da chuva, mesmo que pontual, a tendência é que essa condição melhore aos poucos.

Norte

A chuva segue bem espalhada. Os maiores acumulados ficam concentrados entre o Acre e o Amapá. Lembrando que ainda há risco para transbordamento do nível dos rios, principalmente no Amazonas.

Somente em Roraima é que o tempo fica mais firme, apenas com variação de nebulosidade. Em todos os estados, tempo abafado à tarde.

 

Canal Rural

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Botão Voltar ao topo
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios