DestaqueGoiásPolícia

Goiás- Comandante da ROTAM explica por que a tropa deixou buscas a Lázaro (Serial Killer)

Apesar de ser considerada uma das unidades de elite mais bem preparadas da Polícia Militar de Goiás, a Rondas Ostensivas Táticas Metropolitana (Rotam) não está mais participando do trabalho de buscas ao foragido Lázaro Barbosa de Souza, de 32 anos, suspeito de cometer chacina contra família do DF. A tropa foi retirada do local no último final de semana, após desentendimento com outros policiais, que também participam da força tarefa. O suspeito está foragido há 15 dias.

Na última semana, as buscas foram intensificadas com a chegada de mais de 200 agentes de segurança, inclusive policiais da Rotam. Na sexta-feira (18), o próprio comandante da unidade, tenente coronel Benito Franco, foi até Cocalzinho de Goiás para participar da força-tarefa. No dia seguinte, porém, todas as equipes da unidade deixaram a cidade.

Em um áudio, divulgado no sábado passado (19/06/21), o comandante da Rotam disse que determinou o retorno de seus policiais porque eles estariam sendo usados por outras equipes, que se negavam a entrar no mato. O militar reclamou que nem mesmo uma solicitação para que um dos helicópteros envolvidos na operação acompanhasse as equipes em uma incursão na mata foi atendida.

“A determinação para a retirada da tropa foi minha, pela deselegância com que fomos tratados e até porque não existia nenhuma ordem de operação para que lá estivéssemos”, destacou Benito Franco no áudio.

Por meio de nota, o comando da Polícia Militar disse que a Rotam saiu da operação para que volte e realizar sua atividade fim, que é o patrulhamento ostensivo. Em relação ao áudio gravado pelo tenente coronel que comanda a Rotam, a corporação disse que está analisando o teor do mesmo.

Confira a íntegra da nota

“A propósito do questionamento sobre a participação do Batalhão de Rotam na operação para captura de Lázaro Barbosa Sousa, o Comando Geral da Polícia Militar informa o que se segue:

– Equipes do Batalhão de Rondas Ostensivas Táticas Metropolitana (Rotam) estão compondo as ações estratégicas que objetivam garantir a paz da população da região e capturar o fugitivo Lázaro Barbosa Sousa. A especializada foi redirecionada para sua atividade fim, que é o patrulhamento urbano da região.

– Sobre o conteúdo do áudio questionado, o Comando Geral da Polícia Militar informa que está sendo apurado”.

Mais Goiás | Foto: reprodução

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Botão Voltar ao topo
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios