DestaqueMato GrossoPolícia

Homens são presos com 100 kg de ‘supermaconha’ e oferecem R$ 100 mil aos policiais para serem liberados em MT

A droga seria de uma organização criminosa com ramificação no Paraguai.

Dois homens foram presos na noite dessa quarta-feira (3) com 100 kg de maconha tipo skank, conhecida como supermaconha, em Várzea Grande e Cuiabá em uma geladeira. Um deles, que disse aos policiais ser colombiano, ofereceu R$ 100 mil para que os militares os liberassem.

A droga seria de uma organização criminosa com ramificação no Paraguai.

Conforme o boletim de ocorrência, a equipe realizava ronda pelo bairro Jardim Potiguar, em Várzea Grande, região metropolitana de Cuiabá, quando percebeu um carro com película escura, que impossibilitava ver quem estava dentro do veículo. Foi iniciado o acompanhamento e solicitado ordem de parada.

Homens são presos em MT — Foto: Divulgação

Homens são presos em MT — Foto: Divulgação

Os policiais perceberam que antes de iniciar o procedimento, o motorista apresentava muito nervosismo. Ele carregava R$ 1 mil e dois celulares, sendo que um dos aparelhos ele jogou no chão e danificou durante a abordagem.

Na vistoria, os policiais encontraram dois tabletes de maconha e uma porção menor da mesma droga.

Devido à suspeita de ter mais droga, os agentes foram até a residência do suspeito, no Bairro Paulicéia, em Cuiabá. No imóvel estava a sua esposa e o filho. A mulher alegou desconhecer que o marido fosse traficante. Na casa, foram encontrados cinco tabletes de maconha escondidos dentro de um saco de ração de cachorro.

Logo em seguida, o homem levou os policiais na casa da pessoa que seria seu sócio, no Bairro Jardim Comodoro, ainda na capital. No imóvel estava o suspeito e o restante da droga apreendida.

Um dos detidos disse que dentro de um frasco tinha sementes geneticamente preparada de maconha tipo skank, além de fertilizantes para preparo, cultivo, manutenção e armazenamento das plantas. Foram encontrados ainda anotações das movimentações financeiras.

Os suspeitos disseram que são membros de uma organização criminosa com ramificações no Paraguai e que a droga seria a carga de todo mês de junho.

Na ação policial, foram apreendidos 70 tabletes de maconha tipo skank, 307 pacotes e um pacote grande da mesma droga, três potes com maconha, uma balança, quatro celulares, cinco caixas de papel de seda, dois frascos de fertilizantes, quatro cartelas de sementes de maconha, 15 rolos de plástico filme, seis pinos de semente tipo skank e um dichavador. O carro foi apreendido.

G1 MT

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Botão Voltar ao topo
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios