DestaqueMato Grosso

Em plena pandemia, Querência, Água Boa e Canarana geraram mais de 600 empregos em janeiro

Os municípios de Canarana-MT, Querência-MT e Água Boa-MT, vizinhos no Médio Araguaia, criaram no mês de janeiro de 2021, juntos, 665 vagas de trabalho com carteira assinada, refletindo a força econômica das três cidades, que possuem o agronegócio como principal gerador de empregos e de renda. Os números são do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged).

É bem verdade que o Mato Grosso e o Brasil também fecharam o primeiro mês do ano com mais contratações do que demissões, mesmo em meio a uma terrível pandemia, que tem provocado uma das maiores quedas do PIB mundial na história. Porém, a porcentagem de crescimento de novas vagas nos três municípios é maior do que a estadual e a nacional.

Em Água Boa o crescimento em reação ao número de pessoas empregadas foi de 2,66% (146 novas vagas), Canarana de 2,74% (112 novas vagas) e Querência de 7,62% (407 novas vagas). No Mato Grosso o crescimento foi de 1,71% em janeiro (12.657 novas vagas) e no Brasil foi de 0,66% (260.353 novas vagas). No Estado, o setor que mais gerou empregos em janeiro foi justamente o agronegócio, com 4.040 novas vagas.

Municípios que não possuem o agronegócio como principal setor econômico, estão sentido mais os reflexos da pandemia, devido às medidas restritivas de fechamento do comércio e da indústria. Barra do Garças-MT, na mesma região, é um exemplo disso e teve saldo negativo na relação de contratações e demissões em janeiro, com o fechamento de 159 postos de trabalho (-1,09%).

Por Rafael Govari – OPioneiro

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Botão Voltar ao topo
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios