DestaqueEstuproMato GrossoPolícia

MT- Eletricista estupra cliente dentro de casa durante trabalho

Jovem de 21 anos foi vítima de estupro, na manhã de terça-feira (08/12/20), dentro da sua casa, em Peixoto de Azevedo MT. O autor do crime é um eletricista de 57 anos, que foi contratado para prestar serviços na casa dela. Após o crime sexual, o suspeito fugiu e não foi localizado.

Polícia Militar registrou o crime por volta das 11h30, o agressor, que trabalha como eletricista, estava prestando serviço na rede elétrica da casa e aproveitou que a vítima estava sozinha para cometer o crime.

Segundo o relato, o suspeito começou a fazer propostas de cunho sexual à vítima, perguntando qual valor ela cobraria para transar com ele. Diante das negativas, o homem aproveitou do momento em que estava instalando uma tomada no banheiro para atacar a mulher.

Ela foi agarrada por trás, teve sua roupa tirada pelo agressor e o corpo violado. Disse ainda que ele passava o pênis em sua genitália e que após o crime, fugiu por rumo ignorado.

Quando o marido dela chegou em casa, percebeu que ela estava em estado de choque e chorando muito. Ela contou que havia sido vítima de estupro.

O caso foi levado para a Polícia Militar, que fez rondas pela cidade, mas não conseguiu localizar o suspeito. Polícia Civil vai registrar o caso.

Gazeta Digital

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Botão Voltar ao topo
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios