DestaqueMato GrossoNotícias

Programa disponibiliza R$ 4,2 milhões para fomentar micro e pequenas empresas em MT

Parceria entre governos Estadual e Federal tem como objetivo o desenvolvimento de produtos, serviços ou processos inovadores; edital será lançado dia 18 de fevereiro

Desenvolver produtos, serviços ou processos inovadores de micro e pequenas empresas de Mato Grosso é o objetivo do Tecnova II – MT. O programa, uma parceria dos governos Estadual e Federal, investirá R$ 4,2 milhões nas empresas selecionadas pelo edital que será lançado no dia 18 de fevereiro, pela Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Mato Grosso (Fapemat).

As empresas deverão ser sediadas em Mato Grosso e podem participar individualmente ou em associação com outras empresas brasileiras que atendam ao edital. As propostas serão objeto de seleção pública e cada empresa selecionada poderá receber subvenção de até R$ 200 mil. Ao final da execução dos projetos, deverão estar em condições de ingressar em uma das etapas de certificação, produção ou comercialização.

O Governador do Estado, Mauro Mendes, diz que em Mato Grosso, os dados mostram que as micro, pequenas e médias empresas são as maiores geradoras de emprego. “Nós do Governo de Mato Grosso temos incentivado o empreendedorismo, inclusive com ações voltadas a simplificar e fomentar quem pretende ter seu próprio negócio. Esse programa é mais uma ferramenta para auxiliar as iniciativas inovadoras que demonstram ter viabilidade”, disse.

“Em uma situação de pandemia como estamos vivendo desde o ano passado, é necessário investir nos empreendedores do nosso Estado. São eles que estão nos municípios e fazem a economia girar, gerando emprego e renda para a população”, afirma César Miranda, secretário de Desenvolvimento Econômico de Mato Grosso.

O presidente da Fapemat, Marcos de Sá, diz que esta é uma estratégia para micro e pequenos empresas se reinventarem. “O fomento à inovação é uma das principais ações da Fapemat e, por isso, apostamos neste programa que irá introduzir novos produtos e processos no mercado ou agregará melhorias nos já existentes. Assim, haverá geração de emprego, distribuição de renda, inclusão social, redução da informalidade e fortalecimento da economia”.

O limite das propostas é de R$ 100 mil a R$ 200 mil, com contrapartida de 5% do valor da proposta. Os temas são agronegócio, tecnologia da informação e comunicação (TIC), metalomecânica, reaproveitamento, química, construção civil, bioeconomia, energia.

O programa Tecnova II – MT tem recursos do Governo do Estado, por meio da Fapemat, e do Governo Federal, por meio do Fundo Nacional de Desenvolvimento Científicos e Tecnológico (FNDCT/Finep) do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações.

O prazo de submissão das propostas será de 18/02 a 30/04, pelo endereço http://sigfap.fapemat.mt.gov.br    . Informações em  http://www.fapemat.mt.gov.br e dúvidas pelo e-mail: tecnova@fapemat.mt.gov.br .

 

Sedec MT e Fapemat

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Botão Voltar ao topo
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios